Este pretende ser um "espaço" público de partilha de ideias, um espaço de comunicação...

09
Fev 09

(Tomada da Bastilha)

Deixando de lado a questão de saber se é o modo como pensamos que determina o nosso agir ou se, pelo contrário, são as condições materiais que sustentam e originam o nosso modo de pensar, a "super-estrutura" composta pela religião, direito, filosofia, como advoga o  materialismo dialéctico e histórico de Karl Marx, não se nos afigura extravagante afirmar o "poder das ideias" na evolução da história dos homens. Para o melhor e para o pior, embora se possa afiançar que a humanidade caminha, globalmente, no sentido do progresso.

A título de exemplo, a declaração de independência norte-americana de 1776 considerava uma verdade evidente que todos os indivíduos são iguais; que o Sumo Arquitecto lhes outorgou certos direitos inalienáveis e que entre estes se encontram o direito à liberdade e a aspiração ao bem-estar.

Decorridos 233 anos, tal forma de pensar parece-nos irrisória mas constituiu, na verdade, um grande salto.

Mais tarde, em 1789, a Revolução Francesa proclamava a liberdade, a igualdade e a fraternidade como valores capitais. Esse mesmo ano marca a primeira vitória na luta pelo reconhecimento dos Direitos Humanos, com a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, produto claro da influência da declaração de indepenência norte-americana e das ideias do Iluminismo, das quais se destacam:

 i. a necessidade da divisão dos poderes, legislativo, judicial e executivo advogada por Motesquieu;

ii. a consideração de que só a "Vontade Geral" pode exercer a soberania e a lei, sugerida por Rousseau,  por isso considerado precursor das modernas democracias;

iii. a defesa dos direitos à liberdade individual e à propriedade privada, como inalienáveis, propostos por Locke;

iv. a apologia da liberdade ou tolerância religiosa e a separação entre Estado e Igreja, empreendida por Voltaire.

publicado por Carlos João da Cunha Silva às 22:49

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13


22
23
27


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Filosofia
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO