Este pretende ser um "espaço" público de partilha de ideias, um espaço de comunicação...

03
Abr 09

A realidade compõe-se de indivíduos concretos, mas em que se revela uma natureza específica. Este homem com quem falo, além de ser João, individual e inconfundível, é homem: possui, pois, uma natureza que reparte com muitos outros. Aquela mulher, além de jovem, é bela.
Os conceitos homem e beleza são Conceitos ou Ideias Universais que colidem com a realidade composta por indivíduos concretos, mutáveis. 
Qual a natureza dos conceitos universais como Homem e Beleza? Terão alguma forma de existência?
                                               A Resposta de Platão
Quando digo que a Marina é bela, dou apenas um exemplo de beleza, antes do mais porque a Marina nem sempre foi bela e, com o tempo, deixará provavelmente de o ser. Contrastando com a transfiguração da Marina, a Ideia de Beleza, de “Beleza em si”, é uma entidade imutável que, neste momento, se encontra "dentro" da Marina. Digamos que a Marina "participa", em certo grau, da Beleza em si. Para Platão esta Ideia tinha, como, aliás, qualquer outra Ideia, uma realidade objectiva. Era uma entidade exterior que apenas podia ser “vista” com a mente.

Trata-se de uma solução radical, denominada realismo absoluto ou exagerado, por oposição ao nominalismo.

publicado por Carlos João da Cunha Silva às 00:45

http://4.bp.blogspot.com/_4wHYpjV95p0/SceD5YphQVI/AAAAAAAAAAs/XM_6RI_30Xo/s1600-h/cartazMoimentaFINAL.jpg

Agradeço, desde já, a divulgação deste Cartaz entre os membros do blogue.

Feliz páscoa.

Obrigado!
Cultural a 8 de Abril de 2009 às 00:19

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17

19
21
22
24
25

27
28
30


Filosofia
Local
mais sobre mim
pesquisar
 
Neste Momento
online
blogs SAPO