Este pretende ser um "espaço" público de partilha de ideias, um espaço de comunicação...

12
Fev 09

Charles Darwin nasceu a 12 de Fevereiro de 1809. Darwin estava sempre a desiludir o viúvo pai com um desempenho académico medíocre. "Só queres saber de caça, de cães e de apanhar ratazanas, e hás-de ser sempre uma vergonha para a tua família e para ti próprio", escreveu-lhe o pai. 

A vida de Darwin numa paróquia de aldeia parecia ser o que o esperava quando chegou uma oportunidade tentadora. Darwin foi convidado para viajar no navio de inspecção HMS Beagle. A missão da viagem era fazer o mapa das águas costeiras, mas viria a ser a humanidade inteira a embarcar no navio.

Em meados do século XIX, as palavras-chave eram "natureza", "ambiente", "história", "evolução" e "crescimento". Darwin provou que o homem é o resultado de uma longa evolução biológica. Partiu do princípio de que  todas as plantas e animais existentes hoje descendem de formas anteriores primitivas. Em segundo lugar, pressupôs uma evolução biológica e que esta evolução se devia à selecção natural.  Fez, assim, vacilar a visão bíblica do lugar do homem na Criação. Com efeito, de acordo com a doutrina bíblica as diversas espécies vegetais e animais são imutáveis. Cada espécie animal teria nascido de uma vez para sempre através de um único acto criador.

O darwinismo acarreta consequências filosóficas importantes, quer a nível antropológico, ético como religioso. A visão antropocêntrica sucumbe e somos conduzidos ao ateísmo.

publicado por Carlos João da Cunha Silva às 22:40

Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9


22
23
27


Filosofia
Local
mais sobre mim
pesquisar
 
Neste Momento
online
blogs SAPO